SERVIÇOS

Ginecologia

Ginecologia - CEMMEFE
– Ultrassom Pélvico Transvaginal

Objetivos

A Ultrassonografia Pélvica pode ser feita via abdominal, na parte inferior da barriga, para verificar os órgãos internos relacionadas ao sistema reprodutor feminino, tais como o útero, ovários, trompas, artérias e veias da região. Por meio do exame, é realizada a avaliação, detecção e acompanhamento de alterações e/ou lesões, incluindo pólipos, ovários policísticos, miomas uterinos, cistos no ovário e tumores, benignos ou malignos.

Caso a mulher já tenha tido relações sexuais, o médico pode solicitar a Ultrassonografia Pélvica Endovaginal, que avalia os mesmos órgãos e possui os mesmos objetivos, porém utiliza uma forma diferente de obtenção das imagens.

Como devo me preparar para este exame

Para a Ultrassonografia Pélvica via Abdominal, é necessário estar de bexiga cheia (tomar de 4 a 6 copos de água 1 hora antes do exame). Usar roupas confortáveis.

Controle de Ovulação

Ao contrário dos homens, as mulheres já nascem com uma grande quantidade de óvulos, todos eles, independentemente se serão fertilizados ou expelidos pelo corpo. O ciclo ovariano faz com que os folículos (cápsula do óvulo) amadureçam até que um deles, o dominante, esteja pronto para se romper e liberar o óvulo para a trompa, onde pode ocorrer a fertilização. O que restou do folículo rompido vira corpo lúteo e começa a produzir progesterona. Caso a mulher esteja grávida, tal hormônio ajuda a fixar o embrião (óvulo fecundado) na parede do útero.

Objetivos

O Controle de Ovulação é realizado para observar o todo o processo de ovulação, oferecendo informações para a mulher sobre a melhor época para manter relações sexuais e engravidar. É indicado para casais que fazem tratamento de fertilidade ou para aqueles que querem aumentar as chances de sucesso na etapa de fertilização.

Estruturas Superficiais (Mama, Tireoide e Parede Abdominal)

Explicação

A Ultrassonografia/Ecografia é a reprodução em imagens das ondas sonoras captadas pelo aparelho. É um exame de rotina, mas também é utilizado no diagnóstico e acompanhamento de doenças.

Objetivos

  • Ultrassonografia/Ecografia da Mama

A Ultrassonografia/Ecografia da Mama é um exame complementar à Mamografia, principalmente se os resultados dela apontam alguma alteração e é necessário confirmação. Mas não deve substituir a Mamografia, e sim combinada a fim de detectar possíveis lesões.

É indicada também para pacientes que apresentam algum sintoma ou queixa clínica. O exame informa o estado da pele, dos tecidos e dos músculos mamários e faz a distinção entre nódulos e cistos.

  • Ultrassonografia/Ecografia da Tireoide

A Ultrassonografia/Ecografia da Tireoide é realizada de forma a verificar o tamanho da glândula, assim como a presença de nódulos e cistos, permitindo ao médico indicar a melhor opção de tratamento. Normalmente, é solicitado quando o método palpatório na avaliação clínica indica crescimento anormal da tireoide, que é localizada próxima ao pescoço.

  • Ultrassonografia/Ecografia da Parede Abdominal

A Ultrassonografia/Ecografia da Parede Abdominal é utilizada como forma de avaliar e diagnosticar alterações e lesões, como a hérnia, na parede abdominal e região. É altamente indicada para pessoas que fizeram cirurgias abdominais, para revelar se há abcessos, hematomas e outras complicações.

Aparelho Urinário (Rins, Bexiga)

Objetivos

A Ultrassonografia do Aparelho Urinário é utilizada para avaliar e diagnosticar má-formações, pedras (cálculos), refluxos, tumores, cistos e massas, e alterações na parede da bexiga ou no tamanho/na estrutura dos rins. O exame é solicitado também para fazer o acompanhamento de tratamentos para tais problemas urinários e para que o médico possa estudar os rins antes de realizar uma biópsia renal.

Como devo me preparar para este exame

Estar de barriga cheia (tomar de 4 a 6 copos de água 1 hora antes do exame).

– Abdômen Total ou Abdômen Superior

Objetivos

A Ultrassonografia de Abdômen Total analisa pâncreas, aorta, fígado, vesícula biliar, rins, baço e bexiga para determinar a causa de dores abdominais e localizar pedras (cálculos) na vesícula, nos rins ou nas vias urinárias. É possível identificar tumores e cistos, assim como a dilatação ou estreitamento das principais artérias. Permite também verificar a origem de dores pélvicas e sangramento menstrual anormal ao examinar útero, trompas e ovários.

A Ultrassonografia de Abdômen Superior ajuda na avaliação de dores abdominais provenientes de problemas nos seguintes órgãos: fígado, vesícula biliar, baço, pâncreas, rins e intestino.

Como devo me preparar para este exame

Ultrassonografia de Abdômen Total: pelo menos 8 horas de jejum e estar de barriga cheia (tomar de 4 a 5 copos de água 1 hora antes do exame).

– Dopplerfluxometria Ginecológica

Objetivos

A Dopplerfluxometria Ginecológica tem como objetivo analisar as características hemodinâmicas para diferenciação de processos patogênicos em relação aos normais, ou seja, se há a presença de lesões benignas e malignas. O exame pode ajudar no diagnóstico de problemas como lesões ovarianas, miomas, alterações do climatério, doenças do endométrio e do colo de útero, adenomioses, alterações na mama, entre outros.

Mapeamento para Endometriose

Explicação

A Endometriose caracteriza-se pela lesão causada pelo endométrio (mucosa que reveste as paredes internas do útero) que não é liberado na menstruação. Ele volta pelas trompas e se aloja fora da cavidade uterina, principalmente nos ovários, no peritônio (membrana que envolve os órgãos pélvicos), nos ligamentos uterinos. Em alguns casos, o endométrio se instala nos órgãos adjacentes, como a bexiga e o intestino. Durante o período fértil, os hormônios fazem com que as lesões infeccionem, aumentem de tamanho e sangrem, sendo esse sangramento absorvido e eliminado pelo órgão onde estão localizadas.

Acomete cerca de 10 a 15% das mulheres em idade reprodutiva, chegando a 30% em mulheres com infertilidade.

Objetivos

Para o Mapeamento de Endometriose, é realizado exames de ultrassom transvaginal na região pélvica, na parede abdominal e no aparelho urinário, assim como a avaliação do fluxo ovariano por meio do Doppler (ondas sonoras captadas e transformadas em imagens).

A sequência de exames começa com um rastreamento da parede abdominal, seguido de uma avaliação transvaginal detalhada, e termina com a introdução de pequena quantidade de gel no canal vaginal para avaliação da região ao redor do colo uterino.

Atualmente, propõe-se a realização de ultrassom transvaginal com protocolo para pesquisa e mapeamento de endometriose, visando aumentar a sensibilidade e acurácia do ultrassom na identificação das lesões de endometriose.

A realização do exame para mapeamento de endometriose previamente à realização do procedimento cirúrgico fornece ao médico informações importantes para um melhor planejamento terapêutico.

Como devo me preparar para este exame

Na véspera do exame, tomar (via oral) 1 comprimido de Gutalax ou Dulcolax ao meio dia e, à noite, fazer um jantar leve.

No dia, permanecer em jejum ou, no máximo, comer algo leve, sem leite e derivados. Uma hora antes do exame, aplicar (via retal) 1 bisnaga de Phosfoenema.

Ao chegar ao CEMMEFE, beber 2 copos de água enquanto aguarda na recepção.

Marque seu horário conosco pelo WhatsApp:

VEJA TAMBÉM

Ultrassonografias

Obstetrícia

Cirurgias

Cadastre-se e receba nossas dicas

Rua Manoel Furtado Neves, 420
Centro - São Mateus do Sul | PR

Horário de Atendimento
De segunda a sexta, das 8h às 18h

Inscreva-se e ganhe um e-book!

Preencha o formulário a seguir e ganhe um e-book!

Masterclass - CEMMEFE